Paris: Jardin des Plantes

by - quinta-feira, agosto 13, 2015


Além de ser reduto da arte e da cultura mundial, Paris também transpira beleza natural em seus jardins distribuídos por toda a cidade, onde a conservação impecável das plantas garante uma diversidade única e uma atmosfera encantadora. Perfeito para piqueniques, tardes de domingo e leituras tranquilas - além de, é claro, muitas fotos.

O Jardin des Plantes é assim. Aberto ao público desde 1640, faz parte do Museu de História Natural de Paris e tem como um dos seus principais patronos e fundadores Jean-Baptiste de Lamarck, idealizador de teorias da evolução que acabaram por entrar em descrédito. Grande pesquisar da flora francesa, Lamarck é um dos responsáveis pela rica diversidade de espécies que compõem o jardim botânico que, somado ao Museu e ao zoológico, constituem a atmosfera mais biológica da cidade.

Além disso, o jardim é muito lindo. Um agradável passeio para as tardes de verão parisiense, ainda mais se somado a uma visita ao Museu de História Natural, que, definitivamente, não fica muito atrás de sua versão inglesa ou norte-americana (o Museu de NYC, que inspirou o filme Uma Noite no Museu).

Com uma coleção incrível chamada de "A Grande Galeria da Evolução", o Museu permite um passeio por toda a história biológica do planeta, sendo um passeio imperdível principalmente para as crianças e os curiosos que querem fugir dos roteiros turísticos tradicionais.



Demais!

E para esse dia - e o calor inacreditável que fazia, coisa típica do verão parisiense - escolhi um look confortável, fresh e colorido. Tentei também brincar com as estampas - coisa que tenho feito muito ultimamente. Confiram:


Blusa Banana Republic 
Shorts Basement (Buenos Aires)
Bolsa e flats Primark 
Óculos comprado em uma feirinha de Londres


Lembrando que a entrada ao Jardim é de graça, e para a Galeria da Evolução, 9 euros. O Museu funciona todos os dias, das 10 às 18horas, exceto às segundas-feiras (assim como muita coisa em Paris - farei post com as exceções). Para maiores informações, visite o site.

Endereço: 36 rue Geoffroy Saint-Hilaire
Metrô: Linha 5 Gare d'Austerlitz ; linha 7 Censier Daubenton ; Linha 10 Jussieu ou Gare d'Austerlitz

Visitem, fotografem, e voltem aqui para me dizer se o passeio não vale a pena. Vou adorar saber!

Um beijo, Jú.

You May Also Like

0 Opiniões sobre