Promenade Plantée: Um novo olhar sobre Paris

by - quinta-feira, novembro 05, 2015


Paris tem desses esconderijos misteriosos, cantos da cidade conhecidos por poucos e bons, segredos que vão além das ruas movimentadas, dos monumentos históricos ou dos pontos turísticos, com um quê de thriller emocionante ou um suspense de Hitchcock - é uma cidade que inspira a curiosidade.

A promenade plantée é um desses lugares que torna a cidade única, especialíssima e inesquecível para os seus visitantes. Apesar de não ser ainda o que podemos chamar de atração turística, a Promenade já atrai, diariamente, centenas de franceses e estrangeiros que buscam descanso, lazer, ou um novo visual para a corrida, em meio a agitação da cidade e longe do burburinho das ruas parisienses - o movimento dos carros fica lá em baixo: a promenade é uma travessia por cima de todo o 12º arrondissement de Paris.



Com 4,5km de extensão - o que garante uma boa corrida, cá entre nós - a Promenade substitui uma antiga estrada de ferro, desativada desde 1969.
Começando logo atrás da Opéra Bastille, ela garante uma vista privilegiada da avenida Daumesnil e do Jardin de Reuilly, logo acima do famoso "Viaduc des Arts" - que concentra, aliás, algumas das maiores e mais importantes galerias de arte de Paris no que foi uma importante linha férrea.


A Promenade é também uma ótima maneira de chegar à praça Bastille, onde hoje a Coluna de Julho relembra a localização da antiga prisão, destruída na Revolução Francesa. No caminho de volta, não deixe de conhecer o Viaduc des Arts e os arredores da praça, que concentra vários restaurantes e muitas opções de lazer noturno.


Arborizada e florida, a Promenade - também conhecida como Coulée Verte René Dumont, em homenagem ao primeiro candidato à presidência ecologista do país - é um ótimo passeio para quem quer conhecer um pouco mais de Paris e do espírito de seus habitantes: ecologicamente consciente e em comunhão com o que a natureza tem a oferecer.

Obs.: Vários países, além da França, já estão incentivando a construção de coberturas verdes por suas cidades, principalmente as mais movimentadas ou turísticas. É o caso de NYC e Berlim, por exemplo. O Brasil ainda carece desse tipo de investimento, sobretudo em cidades pouco arborizadas, como São Paulo. Será que não é a hora de propormos ideias boas como essa? Pra refletir!


Um beijo,
Jú.




Promenade Plantée
Acesso pela Rue de Lyon, 44. Você pode descer em uma estação mais perto dessa entrada e caminhar pela Promenade até a Praça Bastille ou então fazer o contrário. Boa caminhada! :)

You May Also Like

0 Opiniões sobre