Guia básico da night parisiense

by - terça-feira, dezembro 01, 2015


Paris tem noites agitadas e, diferentemente do que a maioria das pessoas pensam - sobretudo fora da Europa - os franceses não são tão "certinhos" assim. Ok, para curtir a night na maioria das boates, o traje esporte fino é obrigatório, e meus amigos já foram até barrados tentando entrar de bermuda em uma das muitas casas noturnas parisienses. Mas fora isso, uma vez lá dentro, a noite francesa em quase nada se diferencia da nossa: música pop americana, muita bebida e curtição - porque sim, os franceses dançam - e muito!

Além disso, a cidade oferece as mais variadas formas de diversão. Para quem não curte boate, Paris é recheada de pequenos bares e cafés que funcionam até tarde e que bombam principalmente na "happy hour" francesa - lá pras 8, 9 horas da noite, quando ainda há sol no verão. Alguns pubs no melhor estilo inglês, restaurantes mais sofisticados ou até um vinho aos pés do Sena: há opções para todos os gostos e estilos.


Entre as boates, destaco a Le Duplex, pertinho da Champs Élysées, com festas divertidíssimas, ambiente agradável e muita animação. No verão, a casa oferece nights regadas a champagne, gogo boys e até mesmo temáticas, como a emblemática noite de pijamas. O que importa é a diversão - e isso, os franceses levam muito a sério.

Outro canto especialíssimo da cidade está nos arredores da Bastille, onde vários bares e clubes se encontram na rue de Lappe, a mais movimentada da região. Quer uma dica? Conheça vários, em um verdadeira imersão cultural na night parisiense. Você não vai se arrepender.

Ademais, Montmartre também oferece algumas opções de lazer noturno, como os espetáculos de cabaré. No Marais, os arredores do Pompidou tem alguns bares divertidos, sobretudo em frente à Fontaine Stravinsky, conhecida por suas obras de arte. Do outro lado do rio, no Quartier Latin, os arredores da Rue de Buci e da Rue de Seine são mega movimentados, com uma efervescência incrível de cafés, bares e restaurantes. Imperdível. E para os mais tranquilos, saborear um bom vinho aos pés da Torre ou nas margens do Sena é um programa imperdível - e muito, muito agradável.



Como vocês viram, não faltam opções na noite parisiense. E a volta para casa é tranquila - apesar do metrô fechar meia noite, os ônibus conhecidos como "corujões" funcionam a madrugada toda. É só dar uma olhada na linha e descobrir onde pegá-los, para voltar tranquilamente para casa.

Quanto à segurança, Paris não pode ser comparada com cidades turbulentas como São Paulo ou Rio de Janeiro, mas tem lá seus perigos sim, sobretudo quanto aos turistas desavisados. Como em toda a Europa, é imprescindível tomar bastante cuidado com os seus bens pessoais, já que os furtos são constantes. Nada de deixar a bolsa dando mole por aí, ou o celular em cima da mesa: Assim como no Brasil, cuidados como esse são indispensáveis e preventivos. Fora isso, é só diversão.

Não deixe de curtir a noite parisiense e volte aqui para me dizer como foi. Vou adorar saber!

Um beijo,
Jú.

UPDATE!

Com os últimos atentados, a "night" parisiense não está tão calma assim. Além do medo e do perigo eminente, vários restaurantes, cafés e bares estão fechando as suas portas mais cedo e os próprios franceses estão evitando sair muito a noite. De qualquer modo, as dicas são válidas - e aguardam o momento em que teremos a "nossa Paris" de volta. Uma pena.

You May Also Like

0 Opiniões sobre