Joyce faz 18 #SeaParty

by - quarta-feira, agosto 17, 2016


No último sábado, a minha irmã @JoySoyzaOliveir completou 18 anos e comemoramos com uma festinha pequena, só para os amigos mais próximos mesmo, no salão de festas aqui do prédio.

Como tudo foi organizado um pouco às pressas e com pouca disponibilidade de espaço e recursos ($$$), acabamos apelando para a criatividade na organização e decoração da festa, que teve como tema o fundo do mar.

Para isso, pesquisamos muitas ideias boas na internet e colocamos em prática, de modo rápido e simples, depois de uma boa ida à Uruguaiana, ponto de comércio popular que adoramos aqui no Rio.
Lá, encontramos conchas, pérolas e tecidos que enfeitaram as mesas de bolo e a de doces, balões fluorescentes, transparentes e grandes (como esse de "18") com um preço bacana, sacos de doces, velas e descartáveis (que usamos para os docinhos e refrigerantes, por exemplo).
No final das contas, acabamos economizando bastante em relação a outros lugares que vendem produtos para festa no Rio.





Joyce e seu balão de "18". Encontramos eles por uma pechincha em uma rua transversal à Alfândega, e depois enchemos com gás hélio em uma loja de festas em Cabo Frio

A mesa do bolo: Como é tradição, a mesa do bolo merece uma atenção especial nos aniversários. Por isso, enfeitamos ela com dois tecidos diferentes, que simulavam um efeito de "águas", e completamos com muitas pérolas, conchas e, é claro, os docinhos. 
O naked cake foi encomendado na Kero Cake, bolaria de amigos nossos em Cabo Frio, que teve todo o cuidado de fazer um bolo lindo e delicioso para a festinha. Já os cupcakes surgiram das mãos mágicas da mãe de um amigo da Joyce, que infelizmente não trabalha com isso e, na verdade, abriu uma exceção ao nosso pedido.
Os docinhos de leite ninho e brigadeiro, por sua vez, foram obras da própria Joyce, que acaba de se matricular no curso de gastronomia e sabe fazer docinhos como ninguém. Enfeitamos com confetes brilhosos e pronto: a mesa estava feita, linda e decorada. 


Outro detalhe super bacana na festa foram duas simulações de "bolhas" que criamos a partir dos balões transparentes, conforme já havíamos visto na internet. É muito simples: enchemos balões em tamanhos variados, distribuímos de forma irregular em um fio de nylon e prendemos no teto. Pronto! Simples, criativo, e com um efeito bem bacana na festa.


Além disso, aproveitamos um sofá que já estava no salão de festas para criar um ambiente mais intimista àqueles que estivessem cansados de dançar. Para isso, completamos com almofadas em tons de azul (compramos as capas por um preço bem bacana na Nação Textil, em Cabo Frio), um tapete colorido e puffs (que não estão na foto), que encapamos às pressas com um tecido azul para combinar.
Na parede, um painel em forma de coração com fotos da Joyce com todos os convidados deu um ar ainda mais especial ao ambiente. Muitos amigos ficavam procurando-se no mural e emocionaram-se com a pequena homenagem, uma forma da Joyce enfatizar a importância dessas pessoas na sua vida.

Mesa de doces: Embora não apareça nas fotos, a mesa de doces foi bem simples e de fácil organização: compramos algumas vasilhas de plástico e de vidro para distribuir balas, chicletes e chocolates, e usamos uma plataforma de isopor encapada de crepom para furar os pirulitos. Coisa simples, mas que fez muito sucesso entre os adolescentes.

Detalhe da mesa do bolo: muitas pérolas e conchas

A música ficou por conta de uma playlist que a Joyce mesma montou e conectou em um rádio grande que já tínhamos. Além disso, contratamos também um serviço de buffet infantil, que nos serviu de mini hamburgueres, pizza e cachorro quente, pão de queijo e batata frita. Resumindo: tudo o que a galera gosta! rs

Os balões fluorescentes com fitas coloridas ficaram no teto da pista de dança, e para isso só precisamos de durex para prendê-los. No mais, a festa não teve maiores produções, e ainda assim tudo saiu conforme planejávamos e a Joyce se divertiu bastante.

Ela, aliás, uso um vestido lindo da nova coleção da Farm, enquanto eu resgatei um body e uma saia antiga da Prefácio, que combinou perfeitamente com essa sandália da Santa Lolla que ganhei no meu aniversário do ano passado. Isso, aliás, é uma coisa que eu tenho adorado fazer: "ressuscitar" peças antigas, em novas produções cheias de bossa que ativam a minha criatividade :)

A festa foi linda, comemoramos bastante e agora minha irmãzinha entra nessa nova fase com o pé direito. Espero que vocês tenham gostado das dicas, e sigo aberta às dúvidas.

Um beijo,
Jú.

You May Also Like

0 Opiniões sobre